Comunicação – O Nós e os Cadernos: o diário em “Diário Gráfico”

Comunicação USkP Porto

Amanhã, sábado, dia 17, estarei no encontro nacional dos Urban Sketchers para fazer uma comunicação intitulada O Nós e os Cadernos: o diário em ‘Diário Gráfico’. A comunicação será às 18h nas Caves Cálem em Gaia. Apareçam!

Quando espreitamos o interior de um diário, alguma coisa acontece. Para quem vê e para quem é visto. Onde está, ou onde estava, o ‘diário’ nos nossos diários gráficos? O que é que lhe acontece, ou aconteceu, num processo de transição entre a esfera privada e a esfera pública? Nesta comunicação proponho uma reflexão sobre a natureza deste objecto e sobre um discurso semiótico que sublinha a privacidade e intimidade enquanto elementos subliminares deste artefacto comunicativo que aprendeu a habitar no espaço público.

Revista Time Out Porto

Revista Time Out Porto
Infelizmente vou coleccionando um conjunto de sujeitos e, ainda mais grave, entidades que usam as minhas imagens indevidamente. Desta vez foi a revista Time Out Porto. Fui contactado no sentido de disponibilizar desenhos do Porto. Assim o fiz. Por vezes cobro direitos autorais, especialmente se as imagens se relacionarem com a obtenção de lucros de alguma forma (como é o caso da Time Out). No entanto, visto que o caso também veio por intermédio de uma pessoa que me é próxima, não cobrei qualquer valor pelos direitos das imagens. Aliás, nem sequer toquei no assunto.

Aqui estão elas publicadas no número deste mês. Percebi que em lado nenhum surge o meu nome enquanto autor das imagens. Fiquei surpreendido pois acho que a atribuição dos créditos relativos às mesmas seria o mínimo que a revista deveria fazer. De facto, é uma obrigação e não uma questão de favor. Entrei em contacto com eles e pediram desculpa pelo sucedido justificando que pensavam que as imagens eram de diversos Urban Sketchers. Disseram ainda que iriam colocar uma nota no próximo número da revista expondo o lapso.

Claro que mesmo que fossem de diversos Urban Sketchers os direitos teriam que ser, ainda assim, atribuídos individualmente a cada um deles. Ainda respondi afirmando que seria simpático da parte deles, além da nota no próximo número, colocarem um post no Facebook de revista expondo o assunto e colocando links para os meus espaços na internet. Parece-me justo tendo em conta a falha e quando, ainda por cima, a revista é vendida. A resposta foi curta e simples:

“O Facebook da Time Out Porto não se destina a conteúdo editorial, mas apenas a fins de publicidade e marketing à marca.”

Entretanto pesquisei de forma um pouco mais profunda e parece que não fui a única vítima deste tipo de comportamento por parte da Time Out. Parece que lá para os lados de Lisboa a revista também faz destas coisas… colocar imagens e não atribuir os créditos aos autores.

Enfim… Lamentável. No próximo mês digo-vos se a tal nota chegou a sair ou não.

@edit
A TimeOut publicou uma “nota” atribuindo os créditos às imagens publicadas. Obrigado.
TimeOut Porto

“Desenhar o Mundo – Viana do Castelo”

papa-leguas - workshop em Viana do Castelo

Dentro da filosofia que criamos no âmbito dos workshops de desenho, este aparece com o modelo de fim-de-semana. Uma vez mais é pensado para aqueles que com ou sem experiência na arte dos diários gráficos se deixem encantar com o registo lento e despreocupado que o lápis vai gravando na folha branca. Queremos que quando o fim-de-semana chegar ao fim, as emoções e aprendizagens transbordem do papel para a memória.

via Papa-Léguas

14 e 15 de Julho estarei em Viana a dar 3 Workshops de desenho em Diário Gráfico que irão decorrer ao longo de um fim-de-semana. Promete… muito desenho, muita partilha, muita troca de saberes, muita boa disposição e muita aventura. Mais informações no site da Papa-Léguas.

Ciclo de Conferências A Viagem e o Diário Gráfico


Durante os meses de Fevereiro e Março, no Museu Arqueológico do Carmo, em Lisboa, irá decorrer um Ciclo de Conferências intitulado “A Viagem e o Diário Gráfico”. Para consultarem o programa e saberem mais detalhes sobre estas comunicações, consultem o blog do Museu do Carmo.

Dia 14 de Fevereiro lá estarei com uma comunicação intitulada “Do registo privado à esfera pública. O Diário Gráfico enquanto meio de expressão e comunicação visual”.

Desenho de Eduardo Salavisa, “Naves das Ruínas do Carmo”, via Serviço Educativo do Museu Arqueológico do Carmo.